Confira a lista com dez motivos para você fazer um intercâmbio para a Austrália

Anterior
Próximo
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

A Austrália é um país de uma riqueza cultural, étnica e natural muito grande. O blog “Tudo sobre intercâmbio” traz para você uma lista das 10 razões para fazer intercâmbio na Austrália.

 Óbvio que há muito mais, mas fizemos um resumo para vocês. Ao chegar no décimo item, você já estará se imaginando fazendo uma selfie com um canguru!

 See you!

1- Quatro cidades da Austrália estão no top 10 das cidades com mais qualidade de vida no mundo

Um estudo elaborado pela revista The Economist listou as melhores cidades do mundo para viver. Foram analisados fatores qualitativos e quantitativos em 200 países em categorias como educação, saúde, cultura, infraestrutura e meio ambiente. As notas vão de 1 a 100, sendo que 1 é considerado intolerável e 100 o ideal. Das 10 primeiras cidades, 4 estão na Austrália:

1º Melbourne (Victoria) – 97,5
2º Adelaide (South Australia) – 96,6
3º Sydney (New South Wales) – 96,1
4º Perth (Western Australia) – 95,9

 Além disso, o Índice de Desenvolvimento Humano da Organização das Nações Unidas (ONU) lista a Austrália em segundo lugar, atrás apenas da Noruega.

2- Clima

O clima de um novo país tem um grande impacto na adaptação e quanto mais próximo ao de onde o estudante veio, mais fácil será se sentir em casa.

A Austrália também está situada no hemisfério sul e possui praticamente o mesmo tamanho do Brasil. Isso significa que a terra dos cangurus possui diferentes climas de acordo com a região que se está. Na parte equatorial da Austrália (Northern Territory, Queensland e boa parte da Western Australia) o clima úmido e quente é constante, similar ao Nordeste e Norte brasileiros.

Mais ao sul, as estações de New South Wales e parte da Western Australia são mais similares ao Sudeste brasileiro. Por fim, South Australia, o sul de Western Australia e a Tasmania possui climas mais amenos e frios, chegando a nevar em alguns pontos. Aqui a similaridade é com o sul brasileiro.

3- Permissão de trabalho para estudantes

A Austrália é um dos pouquíssimos países do mundo onde é possível fazer intercâmbio e trabalhar ao mesmo tempo. Estudantes têm permissão de trabalho por 40 horas quinzenais, ou seja, pode fazer 20 horas por semana ou 10 horas em uma semana e 30 em outra etc. Além disso, quando está em férias escolares não há limite de tempo!

 É uma ótima oportunidade para juntar dinheiro para poder viajar pela Austrália ou ajudar com as despesas do dia a dia.

4- Fauna e flora únicos

Por ser uma grande ilha a Austrália reúne em um só local fauna e flora que só se encontra lá. Os animais mais conhecidos são o canguru e o coala, mas há os wombats, os wallabies, os dingos (cachorros selvagens), emus (similares às emas brasileiras), dugongos (primos do peixe-boi brasileiro), além das duas únicas espécies do mundo de mamíferos que botam ovos: a equidna (echidna) e o ornitorrinco (platypus).

Para os mais corajosos as cobras e sapos mais venenosos do mundo também estão por lá.  Sem contar que a Austrália é o único país do mundo que há crocodilos de água salgada e tubarões de água doce. Sabe o Diabo das Tasmânia dos desenhos? Também é de lá.

Desde a separação da massa de terra que formou a Austrália, a flora local foi se adaptando ao novo meio ambiente com o passar dos séculos. Certas árvores e plantas passaram a produzir veneno como mecanismo de defesa de animais. As espécies variam de acordo com o clima das regiões. Na costa Oeste prevalecem plantas adaptadas ao clima mais seco, pois a região sofre grande influência do Outback – o deserto australiano, não o restaurante. Já na costa Leste o clima é mais úmido, o que permite o crescimento de vegetação tropical.

intercambio-australia-10-motivos

5- Belezas naturais

Outro razão para fazer um intercâmbio na Austrália é a quantidade de belezas naturais do país. O Uluru (ou Ayers Rock) é um monolito de 348 metros de altura e 9,4 km de circunferência. Local sagrado para os aborígenes, está situado ao Sul do Northern Territory dentro do Parque Nacional Uluru-Kata Tjuta. Destaque para os tons de vermelho que mudam de acordo com a intensidade da luz do sol.

A Grande Barreira de Corais é o mais organismo vivo do mundo e pode ser vista do espaço devido ao seu tamanho – 2.900 quilômetros de comprimento, indo da Austrália até Papaua Nova Guiné, na Ásia. Sua largura varia de 30 km a 740 km dependendo do trecho. Boa parte da barreira acompanha a costa do estado de Queensland.

Na costa Oeste, o destaque é o Ningaloo Reef, patrimônio mundial da Unesco. Com 260 quilômetros de comprimento é o maior recife de coral da Austrália e o único grande recife acessível da praia. Em Exmouth é possível obter mais informações de todas as opções para se explorar.

Os 12 Apóstolos são colunas de arenito de até 45 metros de altura que se desprenderam do continente ao longo de milhares de anos. Hoje restam apenas oito de pé e integram o Parque Nacional Port Campbell. Para visitar o local, a viagem passa pela Great Ocean Road, umas das rodovias mais cênicas do mundo!

A lista pode seguir citando a Blue Mountains, Byron Bay, Alpes Australianos etc. Lugar para visitar não falta.

6. Educação de ponta

A Austrália possui 8 universidades entre as 100 melhores do mundo, segundo o ranking do grupo britânico Quacquarelli Symonds, um dos mais respeitados do mundo:

25- Australian National University
33- The University of Melbourne
37- The University of Sydney
43- The University of Queensland
48- The University of New South Wales
70- Monash University
89- The University of Western Australia
100- The University of Adelaide

7- Próximo da Ásia e Nova Zelândia

Fazer intercâmbio na Austrália te dá a oportunidade de poder viajar para Nova Zelândia e muitos países do Sudeste asiático. O câmbio australiano mais forte colabora para que se gaste pouco e se divirta muito. A Nova Zelândia tem uma beleza natural mágica e a Ásia reúne países com belas praias, compras a baixo custo e turismo de aventura.

8- Povo multicultural e receptivo

A Austrália é um país jovem (foi reclamado pelo Reino Unido em 1770) formado por imigrantes europeus, em sua maioria, e asiáticos, mais recentemente. É muito comum andar pela rua e ouvir diferentes idiomas e sotaques. Por estar habituado a essa multiculturalidade, os australianos são um povo aberto e receptivos aos estudantes estrangeiros.

9- Câmbio

O dólar australiano possui um câmbio favorável à conversão ao real em comparação com o dólar americano, o euro e a libra.

10- É palco dos principais eventos esportivos e festivos do mundo

A Austrália recebe etapas dos principais eventos do mundo, além de ter organizado eventos de grande porte em sua história, como a Copa da Ásia de 2015, onde sagrou-se campeã pela primeira vez, cards do UFC e 3 etapas do mundial de surfe. Melbourne é sede da etapa local do GP de Fórmula 1 e do Aberto da Austrália de Tênis, um dos 4 Grand Slams do mundo. Sydney organizou as Olimpíadas de 2000, além de ter anualmente o Festival Vivid Sydney e uma das mais belas festas de virada de ano do mundo.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.