Trabalhar na Austrália

Um dos grandes benefícios oferecidos pela Austrália aos intercambistas é o visto de estudo e trabalho. São diversas opções de cursos e vistos para quem pretende estudar e trabalhar no país. Saiba mais.

Quem pode trabalhar na Austrália?

Vamos ao que interessa: o visto de estudante, conhecido como visto de estudo e trabalho, é concedido para estudantes matriculados em cursos com pelo menos 14 semanas de duração com carga horária mínima de 20 horas semanais. Com este visto você poderá trabalhar na Austrália por até 40 horas quinzenais durante o período letivo. Nas férias e breaks escolares você poderá trabalhar em período integral.

Embora existam outros tipos de visto de trabalho, a modalidade de estudo e trabalho é a mais procurada pelos brasileiros e também é a nossa indicação para os estudantes.

Há também a opção do Holiday Working Visa, com duração de 12 meses, voltado para quem quer viajar para a Austrália e ter uma experiência de trabalho mais profunda no país. Com ele é possível trabalhar em período integral por até 6 meses em cada emprego. É importante alertar que este tipo de visto só é concedido para pessoas entre 18 e 30 anos. No entanto, infelizmente o Brasil ainda não faz parte da lista de países com acesso a este visto.

É importante lembrar que o visto de turista, concedido para quem vai viajar a lazer ou estudos por até 12 semanas, não concede a permissão de trabalho no país. Nós temos um departamento especializado em vistos para a Austrália. Clique aqui e faça uma análise de perfil gratuita sem compromisso.

Trabalhar como garçom na Austrália é muito comum.

Como trabalhar na Austrália?

Além da documentação do visto, alguns requisitos são necessários para que você consiga seu trabalho no país. Um dos documentos mais importantes é o Confirmo of Enrolment, o COE (ou Confirmação de Matrícula), ele comprava sua matrícula em um curso de 14 semanas ou mais. O tax file number é similar a carteira de trabalho, é importante tê-lo em mãos para facilitar o processo de contratação. Também são importantes documentos como o Overseas student Health Cover (seguro obrigatório de saúde), comprovantes financeiros seus ou de algum familiar e comprovante de pagamento de taxas. 

Um bom currículo te ajudará emergir no mercado de trabalho, assim como no Brasil, ele será seu cartão de visita, então é importante caprichar e fazer o documento conforme os padrões australianos que diferem um pouco do brasileiro. Coloque todas as suas experiências e tudo sobre você. É importante e todos nós queremos causar uma boa primeira impressão, não é ?

Seu nível de inglês será um determinante que influenciará qual tipo de emprego você vai conseguir com mais facilidade. Quanto mais avançado ele for, maior será seu leque de oportunidades, com melhores cargos e melhores salários. Não tem problema chegar lá com um inglês mais básico, na verdade essa é a realidade da maioria dos intercambistas brasileiros. Você apenas terá ocupações um pouco menores e provavelmente mais braçais. É legal que você treine a língua enquanto estiver no Brasil, para conseguir chegar na Austrália o mais preparado possível.
Temos um post em nosso blog que dá mais algumas dicas legais para conseguir um emprego na Austrália.

Salário na Austrália

O salário mínimo australiano é de aproximadamente AU$2.963 por mês. O cálculo é feito por horas trabalhadas,  o salário-mínimo é de AU$19.49, sendo AU$740.80 por semana, para um trabalho com carga horária de 38 horas semanais, ou seja, o full-time. E para quem trabalha part-time, ou seja, no máximo 20 horas semanais, o salário é de aproximadamente AU$389.80. Normalmente as empresas optam por depositar ou pelo cash hand, que é quando você recebe o pagamento em mãos após o seu expediente.

Abaixo temos uma lista com a média de salário de alguns empregos (por hora):

  • Servente de Pedreiro – AU$ 18,00 a AU$ 25,00
  • Auxiliar de Mudança – AU$ 15,00 a AU$ 20,00
  • Auxiliar de Cozinha – AU$ 13,00 a AU$ 17,00
  • Garçom/Garçonete – AU$ 14 a AU$ 18,00
  • Auxiliar em Eventos – AU$ 18,00 a 21,00
  • Limpeza – AU$ 15 a AU$ 20,00
  • Babá – AU$ 17 a AU$ 20,00
  • Barista – AU$ 18,00 a AU$ 25,00

Trabalhos mais comuns

Embora existam opções de emprego full-time e part-time, os contratos de trabalho conhecidos como “casual” são os mais utilizados por aqueles que têm visto de estudante, uma vez que não existe o compromisso diário. A atuação será de acordo com a necessidade da empresa e a disponibilidade do estudante.

Os tipos de trabalho variam muito, os mais comuns são: 

  • Auxiliar de Limpeza
  • Atendente de serviços em cafés, restaurantes, bares e hotéis
  • Atendente de lojas ou supermercados
  • Trabalho em Obras
  • Babá
  • Serviços de entregas 
  • Manutenção residencial 

Na maioria dos casos não há um horário fixo de trabalho, a cada semana você tem uma organização de horas para cumprir.

Para quem tem o visto de estudante, o trabalho part time é a única opção, normalmente, o trabalho é restringido a 20 horas semanais. Isso porque os estudos não podem ser deixados de lado e são levados muito a sério, se essa regra é descomprida, pode acarretar sérias consequências e o estudante pode até ser deportado. O trabalho deve ser apenas um complemento, é possível trabalhar full time no período de férias apenas.

Quais são as melhores cidades para trabalhar e estudar na Austrália?

As principais cidades do país são as mais ricas em oportunidades e opções de emprego. Claro que é possível trabalhar em outras cidades, e por toda a Austrália você encontrará serviços de limpeza em bares, restaurantes, cafés, hotéis, etc. Separamos as cidades que mais estão preparadas e estruturadas para receber estudantes e oferecer oportunidades:

  • Brisbane: Educação, Energia, Turismo
  • Melbourne: Artes, Biotecnologia, Educação, Saúde
  • Perth: Construção, Educação, Energia
  • Sydney: Educação, Direito, Finanças, Telecomunicações, TI
  • Gold Coast: Hospitalidade e Turismo

Sites de Emprego

Disponibilizamos alguns sites de vagas de emprego que podem te ajudar na busca de ofertas. Segue abaixo alguns deles:

www.gumtree.com.au

www.jobsearch.gov.au

www.seek.com.au

www.mycareer.com.au

www.careerone.com.au

www.employment.byron.com.au

www.careersonline.com.au

www.jobnet.com.au

https://au.jobted.com/

www.workingin-australia.com

Como conseguir um trabalho?

A grande verdade é que as oportunidades estão em todos os lugares e tem vaga para todo mundo. O grande segredo é estar atento ao que acontece ao seu redor. Conversar com amigos e colegas de escola é muito importante. O sistema de indicações funciona muito na Austrália e é sem dúvida o jeito mais fácil.

Aquele velha forma de distribuir currículos também é indicada e uma pesquisa em sites e jornais locais podem trazer boas surpresas. Algumas cidades podem ser mais difíceis que outras e na baixa temporada as ofertas da vaga diminuem, mas o que prevalece é o ditado “quem procura acha”.

Conte com a Up Study para te dar todo o suporte necessário com as documentações e te instruir para você chegar na Austrália o mais preparado possível. Qualquer dúvida, estamos à disposição!

Ofertas do Mês

Morar na Austrália: tudo o que você precisa saber sobre o país.

Orçamento
Atendimento
Whatsapp